Hora de planejar: guia prático de como começar o ano com o pé direito

Não importa o quão agitado seja o seu dia, sem o mínimo de planejamento fica impossível conciliar suas atividades.

Você já percebeu que quando existe um planejamento tudo flui melhor?

Isso porque você sabe exatamente o que fazer depois de terminar determinada tarefa, isso ajuda a administrar melhor o tempo e aumentar a produtividade.

De coisas pequenas do nosso dia a dia à grandes mudanças, um planejamento é necessário em todos os momentos do nosso dia.

Entrando no embalos do final de ano, época de fazer um balanço tanto da área pessoal quanto da profissional e de refletir se a forma como estamos trabalhando está mesmo dando certo, a Solution preparou um material especial sobre o planejamento estratégico, algo essencial para pequenas e grandes empresas.

Dependendo da área de atuação da empresa, é necessário que se faça um planejamento mais do que uma vez ao ano.

E por onde começar?

Antes de traçar metas é preciso analisar se a forma de trabalho utilizada vem contribuindo para bons resultados. Portanto, reflexão é a palavra-chave para que se inicie qualquer planejamento.

O ideal, segundo Antônio Napole, vice-presidente da Kaiser Associates, é que você reúna

uma equipe com potencial para fazer as coisas acontecerem. Estas pessoas terão o papel de auxiliar você em todos os passos do planejamento.

Faça isso longe da correria do dia a dia.

Refletir sobre os pontos que merecem atenção em sua empresa não é uma tarefa que pode ser executada na correria do dia a dia. Ela deve ser feita fora da sua empresa e deve levar o tempo que for. Portanto, tire quanto tempo precisar com as pessoas que irão auxiliar você neste processo e lembre-se: planejamento estratégico só é desenvolvido quando você possui tempo para agir.

É imprescindível que o planejamento esteja acompanhado de uma análise de dados, por isso, faça uma análise métrica de dados que comprovem o bom desempenho ou ineficácia de determinados setores.

Feito isso, é hora de sonhar.

Descreva o futuro que você deseja alcançar. Feche seus olhos e imagine sua empresa com as características que você deseja que ela tenha. De acordo com Antônio Napole, este é um exercício importante já que não se pode planejar sem um objetivo.

Imagine que você está sendo entrevistado por alguém e comece a responder perguntas sobre a sua empresa, como a localização, número de filiais, número de funcionários, o funcionamento dos seus departamentos, quando você pretende faturar anualmente. Pense na sua empresa do futuro e descreva-a em detalhes.

Hora de colocar os pés no chão e identificar seus obstáculos.

O que você deve fazer para chegar até sua empresa do futuro? Comece a listar ações para resolver os problemas que devem surgir durante o processo.

Em resumo: reflita sobre a atual situação da sua empresa, idealize onde você quer chegar, identifique seus problemas e monte um plano de ação para que sua empresa possa chegar lá.

No final, são ações simples, mas que devem seguir uma ordem clara. A reatividade é importante, mas é o planejamento que indica o melhor caminho para atingir melhores resultados.

As ferramentas de gerenciamento são necessárias de todas as fases do processo. Sem ferramentas que indiquem a realidade dos setores da empresa e que auxiliem na tomada de decisões, o planejamento fica sem uma base sólida.

Deixe um comentário