Telemetria integrada ao ERP Solution

A Telemetria pode (e deve) trabalhar integrada ao seu ERP

Estamos passando por tempos difíceis. A pandemia da Covid-19 paralisou negócios, afetou setores inteiros e certamente modificou a economia na forma como estávamos acostumados. Porém, o agro não para.

Por que dizemos isso? Porque é cada vez mais necessário que os gestores das empresas que trabalham com maquinário agrícola reconheçam os produtos mais estratégicos, que são aqueles que darão andamento ao seu negócio. Não é hora de apostar no método de tentativa e falhas. Não há mais tempo para parar a produção e, muito menos, para recuperar prejuízos. Agora é hora de manter a roda girando. 

É necessário ter uma análise muito grande e precisa dos dados de seus produtos. É preciso cruzar todas as informações e entender o contexto para chegar à conclusões que trarão maior desenvolvimento a eles. É exatamente por isso que hoje vamos destacar como funciona a telemetria dentro de um sistema de ERP (Enterprise Resource Planning).

Você precisa centralizar as informações do seu time de campo para poder analisar, entender e otimizar o seu desempenho. É assim que você vai controlar os atendimentos, monitorar as visitas e fazer relatórios completos dos indicadores para, assim, levar a gestão do seu negócio a outro nível. 

Quer saber mais sobre a telemetria integrada ao ERP? Então desce a tela e acompanha!

A Telemetria e o ERP

Como nós já falamos por aqui, o ERP Solution é especialista, isso significa que conseguimos atender os nossos clientes de forma mais rápida e com menor custo, visto que os nossos sistemas já estão prontos para uso. O ERP Solution busca entender as necessidades dos clientes e oferecer soluções com conceitos seguros para cada negócio especificamente. 

Já a tecnologia da Telemetria é o que faz com que exista uma transmissão de dados à distância. Você pode encontrá-la dentro de softwares específicos, como os instalados dentro de equipamentos agrícolas, e, dessa forma, acelerar a produção e administrar o desempenho do maquinário. 

No ERP Solution temos um módulo de serviços também conhecido como “oficina”, onde são tratadas as revisões e garantias das máquinas e equipamentos vendidos por nossos clientes. 

O nosso diretor executivo Anderson Romero destaca que, no caso de tratores e colheitadeiras não existe, por exemplo, um quilometro rodado. “Essas máquinas controlam o tempo em funcionamento, através de algo chamado horímetro, que define se a máquina precisa de manutenção, se deve ser revisada ou se acabou o período de garantia”, reforça. 

A telemetria então consegue entregar ao ERP, dentre outros dados, o tempo de uso desta máquina. “Aqui é simples, através dessa integração, o ERP pode alertar ao usuário, de forma clara, tudo o que está acontecendo em sua máquina”, afirma Anderson.

Vantagens da telemetria junto ao ERP

Além dos benefícios da integração já citados anteriormente, devemos destacar também todos os controles de alertas a workflow via ERP. Muitos destes controles já existem, muitos estão em desenvolvimento, porém, é importante ressaltar que o envolvimento do fabricante aqui é essencial, pois é ele quem concederá acesso aos dados necessários. 

É muito importante deixar claro que todos os dados coletados são confiáveis e objetivos, e que irão fornecer ao produtor e à concessionária, segurança para tomar decisões assertivas. Por isso, não basta apenas manter os dados da telemetria parados em uma nuvem ou servidor. É preciso trazer esses dados para um sistema que possibilite gerar ações práticas e eficientes junto a equipe que presta serviço ao cliente final, isso agrega valor à tecnologia e traz resultados a todos os interessados.

Cada parte desses sistemas de telemetria e ERP é responsável por uma etapa do processo, e, juntos, eles facilitam a vida dos clientes, desde a comunicação com gestores e técnicos, até a realização de análises, visto que todas as informações estão dentro de um único sistema. 

Através dos dados oferecidos pela telemetria, o cliente consegue ser proativo, reduzindo custos com manutenção e evitando que seus equipamentos fiquem parados – o que contabiliza grande parte do desperdício.

Sensores podem indicar quantas vezes a máquina ficou parada durante o dia, por exemplo, e se determinado item, como o óleo da máquina, está sofrendo aquecimento fora dos padrões.

Esses itens, como tantos outros, permitem que o operador, e o dono das máquinas e dos equipamentos, se preocuparem com outras atividades, tornando a telemetria uma aliada no campo.

Todos os dados da telemetria em uma tela de ERP

Isso mesmo. Pense em como é oferecer ao seu cliente toda a gestão do maquinário agrícola em uma só tela. A partir de um celular ou tablet, o cliente final terá a possibilidade de acompanhar todas as informações que irão otimizar a utilização dos equipamentos, bem como aprimorar a performance dos usuários das máquinas.

 

Agora, gostaríamos de ouvir de você! Você já sabia que a telemetria integrada com o seu ERP poderia trazer tantos benefícios para o seu negócio? Deixe seu comentário aqui embaixo e nos conte o que achou deste conteúdo. 

Deixe um comentário