WMS: a tecnologia que descomplica a gestão de armazéns

Gerenciar armazéns, na maioria das vezes, é um grande desafio, afinal, são muitas mercadorias para receber, conferir e estocar. Mas esse trabalho pode ganhar uma mãozinha da tecnologia.

Você já ouviu falar do WMS?

Sigla em inglês que significa Sistema de Gerenciamento de Armazéns. Trata-se de uma ferramenta inteligente de gestão de mercadorias e recursos operacionais (equipamentos, mão-de-obra) que proporciona o controle completo da operação, melhorando assim a performance diária.

O sistema possibilita um monitoramento eficiente das operações a serem realizadas (recebimento, separação, conferência, expedição, inventário), além de rastrear todas as movimentações de mercadorias (quem recebeu, onde foi armazenada, quem separou, quem conferiu, quem expediu). Estas e outras facilidades aumentam a produtividade e possibilitam a diminuição do quadro de funcionários.

Reduzindo os erros

Por se tratar de um sistema inteligente, é ele quem define todas as tarefas a serem executadas, como o lugar para onde a mercadoria deverá ser levada, quantidade, tipo de produto, etc. A realização de todas as tarefas acontece de forma segura pela utilização da leitura por códigos de barras. Ao funcionário cabe a tarefa de executar, não sendo necessário que conheça a mercadoria, reduzindo assim a probabilidade de erros e o tempo de treinamento de um novo colaborador.

Facilitando o processo de entrada e saída do produto

Conferência: Quando um produto chega, o funcionário faz a leitura do código de barras e uma contagem cega (não sabe a quantidade que esta chegando), o sistema acusa de forma automática as mercadorias que estão divergentes ao supervisor da operação, bem como se a contagem está correta. Isso descarta a possibilidade de erro humano, já que é o sistema que faz a conferência.

Inventário por endereço: A contagem das mercadorias é feita por endereço (prateleiras). É possível que cada endereço tenha um produto, uma quantidade, uma data de validade e lote. Se houver erro de contagem ou divergência de produto, o operador não terá que contar tudo novamente, deverá apenas realizar a recontagem do endereço específico.

Processamento de pedido de vendas: O sistema realiza um balanceamento dos processos de trabalho e distribui os pedidos de venda de forma equilibrada.

Ex: Se você possui uma carga com 10 mil kg e dez pessoas para separar os pedidos, o sistema separa as atividades de modo que a produção dos operários seja similar.

Separação de produtos: O sistema define a melhor rota com menor tempo de percurso dentro do depósito, diminuindo o tempo gasto para percorrer o local. As prioridades de separação são definidas de acordo com a urgência (cliente balcão, horário de coleta da transportadora, etc.). Não é mais o separador que escolhe que pedido separar.

Otimiza o tempo: O operador trabalha com um computador de mãos que é um coletor de dados. O sistema delega as tarefas que ele deve realizar de acordo com sua capacitação pré-definida, não existe papel na operação. Ao final da tarefa, o sistema traz outra atividade para que o funcionário não fique parado e a produtividade aumente.

Conferência nos pedidos de venda: Trata-se do controle de qualidade de um negócio. Garante que o produto e a quantidade entregue seja exatamente o que foi solicitado pelo cliente, aumentando a confiança e fortalecendo a parceria com o mesmo.

WMS possui interface com sistemas tipo ERP

A Solution disponibiliza este sistema integrado em seu ERP através de uma parceria com a especialista em WMS Fullsoft. Para mais informações, você pode entrar em contato com nossos consultores através do e-mail:   solution@gestaosolution.com.br.

Deixe um comentário