Maquinário agrícola: a importância da manutenção para manter a produtividade

Tempo de leitura: 4 minutos
maquinário agrícola

Fazer a manutenção do maquinário agrícola é uma importante estratégia para alcançar o sucesso na cadeia produtiva. No entanto, muitos profissionais deixam de realizar a prática, seja por falta de tempo e disponibilidade, ou conhecimento técnico sobre a manutenção de ativos.

No artigo explicamos qual a importância da manutenção do maquinário agrícola para o sucesso da produção, e como a sua concessionária agrícola pode tornar essa uma importante fonte recorrente de renda.

O que é manutenção de ativos?

A manutenção de ativos é uma prática que consiste em realizar reparos e consertos nas máquinas e equipamentos, a fim de manter a sua confiabilidade e bom desempenho.

Existem diferentes setores em que a manutenção de ativos é necessária como, por exemplo, indústrias, facilities e construção civil. E no caso do agronegócio, a regra não é diferente, e é muito cliente que os seus clientes saibam disso.

Como funciona a manutenção do maquinário agrícola

A manutenção do maquinário agrícola funciona como a manutenção de qualquer outro ativo, a diferença é que, nesse caso, os reparos e consertos são aplicados nos equipamentos utilizados na propriedade rural.

Trator, plantadeira, colheitadeira, semeadora. Esses são alguns exemplos de maquinários agrícolas que requerem manutenção.

Quando se fala em manutenção de ativos, é importante entender que existem três tipos de manutenção, e que cada uma das modalidades possui objetivos distintos:

  • Manutenção corretiva: é aplicada após a ocorrência de uma falha ou erro no maquinário;
  • Manutenção preventiva: é realizada continuamente para impedir a ocorrência de falhas e erros;
  • Manutenção preditiva: é aplicada para antecipar falhas e entender a causa raiz dos problemas, através do monitoramento.

Como é importante que o profissional sempre mantenha o bom estado de conservação dos seus ativos, o ideal é que ele priorize a manutenção preventiva em vez de esperar pela manutenção corretiva.

Qual a importância de fazer a manutenção do maquinário

O tempo é um fator determinante para a propriedade rural ter sucesso. Se o profissional responsável não aproveitar o período ideal para iniciar a colheita ou uma nova safra, ele pode acabar sofrendo prejuízos devido a efeitos climáticos ou baixa qualidade nos produtos. 

Imagine o seguinte cenário, por exemplo. O seu cliente escolhe um dia específico para iniciar a preparação do solo. No entanto, na hora de retirar o trator do galpão, descobre que ele simplesmente parou de funcionar (e que não possui outro para substituí-lo).

No que essa paralisação vai impactar a cadeia produtiva? Se o problema não for resolvido, praticamente todas as operações sofrerão atrasos.   

Fazer a manutenção do maquinário é uma forma de prevenir esse tipo de contratempo. É assegurar, independentemente do dia ou hora, que os instrumentos para o plantio, a semeadura, a adubação ou a colheita estão preparados para uso.

Prejuízos gerados pela falta de manutenção do maquinário agrícola

O maior prejuízo gerado pela falta de manutenção é, sem dúvida, a ausência de confiabilidade. O profissional simplesmente não sabe se os ativos estarão desempenhando as funções corretamente quando necessário, nem o momento que podem apresentar falhas e prejudicar a produção.  

Fora isso, pode-se esperar que a propriedade também sofra:

Perda de eficiência operacional

Máquinas que não estão em bom estado de conservação não conseguem desempenhar um bom serviço. Isso significa que os trabalhadores podem perder eficiência operacional, e deixar de aproveitar melhor o tempo para realizar outras tarefas importantes.   

Atrasos na produção

A falta de manutenção do maquinário pode gerar paradas inesperadas, o que tende a acarretar atrasos na produção. Isso, por sua vez, pode causar insatisfação e fazer com que o seu cliente perca novas oportunidades de negócio.  

Custos elevados

A manutenção corretiva é uma das modalidades mais custosas. Se o profissional esperar até um equipamento dar defeito para buscar uma solução, é bem provável que os gastos para fazer o ativo funcionar e recuperar a sua performance sejam muito mais elevados do que se realizasse a manutenção preventiva.

4 dicas para uma manutenção eficiente

A manutenção do maquinário agrícola é um procedimento simples, mas ainda assim existem profissionais que podem sentir dificuldades ao aplicar a prática. Pensando nisso, separamos 4 dicas simples que podem ajudar, além de contribuírem com a geração de renda para a sua concessionária agrícola. Confira!

1- Identifique todas as máquinas agrícolas que requerem manutenção

  • Quais equipamentos a propriedade possui?
  • Quais desses ativos são indispensáveis no processo de produção? 

Fazer o levantamento de todo o maquinário é importante para preparar o orçamento, e identificar o período ideal para fazer a manutenção. 

2- Faça o planejamento da manutenção de ativos

  • Quais reparos e consertos precisam ser realizados no maquinário? 
  • Quais profissionais ficarão responsáveis por executar os serviços? 

Planejar a manutenção dos ativos também é importante para preparar o estoque e ter conhecimento sobre o que precisa ser feito, como será feito e por quem.

3- Programe a execução das atividades

  • Existe algum período do ano em que o maquinário é menos utilizado? Se sim, quais são os dias? 

O profissional também precisa programar a execução das atividades de manutenção, de modo que não atrapalhem a fase do plantio ou colheita.

4- Monitore o desempenho do maquinário

  • As máquinas estão desempenhando o seu máximo?
  • Existe algum equipamento que ainda corre o risco de sofrer falha?
  • O maquinário agrícola está conseguindo atender às necessidades da propriedade?

Monitorar o desempenho do maquinário vai ajudar o profissional encarregado a compreender os problemas existentes em seus ativos, e quais melhorias são necessárias na manutenção para manter os equipamentos funcionando 100% do tempo. 

Acompanhe os prazos de manutenção do maquinário agrícola dos clientes da sua concessionária agrícola com o ERP Solution! E se gostou do conteúdo, continue acompanhando o nosso blog para se manter atualizado sobre o mundo do agronegócio!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *